Editorial

Zuenir Ventura, grande jornalista e escritor, já cantou em outros tempos que 1968 foi o ano que não acabou. Provavelmente, em um futuro nem tão distante, quem sobreviver a essa loucura toda em que estamos imersos, dirá que 2020 também foi o ano que não acabou, ou que já deveria ter acabado há muito tempo, ou que, sendo ainda mais dramático, nunca deveria ter existido. 

Realmente, ei de concordar com aqueles (as) que acham que 2020 deveria acabar logo, mas o problema é que o desejo de que o tempo passe rápido, acaba se tornando um gerador fulcral de crises existenciais, e 2020 não é um bom ano para termos mais crises. Termos controle sobre nós mesmos é importante, mas vá lá, nem sempre é possível.

Por mais que o período seja tenebroso, é com imensa alegria e satisfação com que entro neste bravo periódico como editor-chefe. Depois de aceito o desafio, traremos mensalmente aos leitores e leitoras resenhas de livros, releases de lançamentos, reportagens, entrevistas e poemas de poetas convidados (as). Manteremos o alto nível que a TXT Magazine já mostra há bastante tempo aos seus leitores e leitoras. 

Nesta edição temos a honra de apresentar alguns poemas inéditos do poeta curitibano Alexandre Kramer e do já consagrado Rodrigo Garcia Lopes. Thaliany Ribeiro nos brinda com duas resenhas, uma sobre o livro Porém bruxa, de Carol Chiovatto e 1984, de George Orwell. Analisando o Eroguro nonsensu temos a participação do Felipe Augusto Soares.

Com os desejos de uma ótima leitura às leitoras e aos leitores, deixo o verso de Pound como uma espécie de oráculo:

“O poeta é a antena da raça”.

Daniel Osiecki, editor-chefe

Facebook Comments

Sobre o autor

danielosiecki
Editor-chefe da TXT, Daniel Mascarenhas Osiecki nasceu em Curitiba, em 1983. Escritor e editor, publicou os livros Abismo (2009), Sob o signo da noite (2016), fellis (2018), Morre como em um vórtice de sombra (2019), Trilogia Amarga (2019) tendo mais dois no prelo: 27 episódios diante do espelho e Fora de ordem. Editor-adjunto da Kotter Editorial, é mestre em Teoria Literária e organizador do sarau-coletivo Vespeiro - vozes literárias.

danielosiecki

Editor-chefe da TXT, Daniel Mascarenhas Osiecki nasceu em Curitiba, em 1983. Escritor e editor, publicou os livros Abismo (2009), Sob o signo da noite (2016), fellis (2018), Morre como em um vórtice de sombra (2019), Trilogia Amarga (2019) tendo mais dois no prelo: 27 episódios diante do espelho e Fora de ordem. Editor-adjunto da Kotter Editorial, é mestre em Teoria Literária e organizador do sarau-coletivo Vespeiro - vozes literárias.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: